Foto: Reprodução

Mais de 2 milhões de trabalhadores tem até o próximo dia 29 de junho para sacar o abono-salarial ano base 2016. De acordo com o Ministério do Trabalho, o prazo para resgate do benefício que varia de R$ 80 a R$ 954 não será prorrogado.

Tem direito ao abono do PIS/Pasep trabalhadores que exerceram atividade de maneira formal por pelo menos um mês em 2016, com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador deve estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Para sacar o valor, os empregados da iniciativa privada – vinculados ao Programa de Integração Social, devem comparecer às agências da Caixa Econômica Federal. Já os servidores públicos, vinculados ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), devem comparecer ao Banco do Brasil.

O abono-salarial referente a 2016 foi liberado para resgate em julho de 2017, e mais de 22 milhões de trabalhadores já sacaram o dinheiro, que quando não resgatado retorna ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), responsável pelos pagamentos do seguro-desemprego e abono salarial do próximo ano.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
2

Comentários

comentários