(Getty Images/iStockphoto)

Demanda por profissionais da área disparou durante a pandemia e salários podem chegar a 30.000 reais. Entenda

Uma estimativa recente da plataforma americana Twilio revelou que a pandemia acelerou a estratégia de comunicação das empresas em cerca de seis anos. Afinal, à medida em que foram forçados a fechar as portas, negócios dos mais variados setores tiveram de se reinventar – e a digitalização de processos, serviços e comunicações foi essencial para que se mantivessem competitivos durante a crise

Assim, não é de se estranhar que a demanda por profissionais qualificados para orientar a migração dos negócios para o ambiente digital também tenha aumentado. E, neste cenário, profissionais de marketing digital ganharam destaque.

Estamos falando de pessoas que entendem do comportamento do consumidor e que sabem interpretar métricas e dados para construir uma estratégia assertiva de aquisição e retenção de clientes. Tudo isso por meio do uso dinâmico de redes sociais, blogposts, e-mail marketing, técnicas de SEO e outros recursos do chamado marketing 4.0 (em que as mídias digitais têm mais peso que as tradicionais).

Diferentemente do marketing tradicional, em que o foco está no produto e a propagação das mensagens é feita de forma massificada (por meio de propagandas na televisão, jornais e outdoors, por exemplo); no marketing digital o foco está no consumidor e a comunicação passa a ser mais personalizada, justamente pela facilidade de segmentação de público proporcionada pela internet.

Marketing Digital: um mercado em ascensão

Basta fazer uma pesquisa no Google ou em outras ferramentas de busca para perceber que o mercado de marketing digital está aquecido no Brasil, com dezenas de vagas sendo abertas semanalmente. No momento em que esta matéria foi escrita, por exemplo,  o Linkedin somava mais de 3450 anúncios no setor.

Com salários que podem chegar a casa dos 30.000 reais para cargos de gestão, a área de marketing digital aparece entre as principais posições consideradas “em alta” pela Pesquisa Salarial Robert Walters 2021 — ao lado das áreas de recursos humanos, logística e tecnologia da informação.

Um dos fatores que ajuda a explicar a alta demanda por profissionais da área é o fato de ela estar mais alinhada às necessidades dos consumidores da nova economia. Ou seja, consumidores que buscam uma relação mais próxima com as marcas e que estão cada vez mais inseridos no ambiente digital.

Prova disso é que, de acordo com um estudo recente realizado pela consultoria Mckinsey, mais da metade (53%) das empresas ao redor do mundo percebeu um aumento na demanda dos consumidores por compras e serviços online ao longo da pandemia.  

Especialização em marketing digital

Se o aprimoramento contínuo já é importante para todo e qualquer profissional que deseja se manter competitivo no mercado, no caso dos profissionais de marketing digital, que têm de lidar com um cenário em constante e acelerada transformação, manter-se atualizado é essencial.

Isso vale tanto para candidatos que desejam se destacar nos processos seletivos, mas também para profissionais que já atuam na área e querem conquistar posições mais estratégicas ou pleitear aumentos de salário dentro de suas companhias.

Pensando nisso, fizemos um quiz para que você possa testar seus conhecimentos e descobrir se está preparado para ter sucesso no mercado de marketing digital. Faça o teste!

Fonte: https://invest.exame.com/academy/mercado-de-marketing-digital-decola-no-pais

Cadastre ou atualize seu currículo na Curriculum: https://www.curriculum.com.br/01_10.asp

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários