Pesquisa revelou que 41% admitem checar emails e até comer nos encontros de trabalho “com frequência” ou até “o tempo todo”

Corpo presente, alma ausente. Pelo menos 92% dos profissionais americanos admitiram dedicar-se a outras tarefas durante reuniões de trabalho. E 41% confessaram fazer isso “com frequência” ou “o tempo todo”, segundo uma pesquisa da empresa FuzeBox, provedora de serviços de nuvem em tempo real.

Levando em conta o tempo que se passa em reuniões, o resultado implica em um grande desperdício de recursos e produtividade, concluiu a FuzeBox. Mais da metade (52%) dos 2 mil participantes do estudo responderam que passam entre uma e três horas em reuniões semanais. Outros 34% gastam entre quatro e dez horas de seu tempo com estes encontros.

Checar emails é o passatempo predileto de 69% dos que se concentram em outras atividades. Já 49% usam o tempo para dedicar-se a projetos não relacionados ao trabalho, e 44% aproveitam para comer durante as reuniões.

A raiz do problema, ainda segundo a pesquisa, seria a falta de comunicação frente a frente entre os profissionais. Por exemplo, 56% dos entrevistados afirmaram se concentrar em outras atividades principalmente durante conferências feitas por telefone.

Este número cairia para 16% em reuniões presenciais, e para apenas 4% em videoconferências, concluiu a pesquisa. A dedicação em reuniões por vídeo também é maior. 63% responderam que se preparam mais tempo para este tipo de encontro do que em reuniões presenciais.

Fonte: iG

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários