Ainda que muitas pessoas discordem afirmando que o amor é o processo mais lento de aprendizado, a dor tudo estraga, numa velocidade incontrolável. Coloque seu coração e sua alma em tudo o que fizer, e entenda o porquê da longevidade desses frutos.

Falar sobre as virtudes do amor é uma missão honrosa, ainda que a responsabilidade seja enorme. Porém, creio que colocar em prática o amor é uma decisão e desafio constante para a inteligência e ainda para os anseios de cada um de nós. Quando demonstramos amor em nossas atitudes e ações, honramos e cultuamos a própria sabedoria divina, que nos mostra a nobreza do amor ao próximo e o quanto esta força poderosa pode mudar as nossas vidas.

Na vida, eu cresci sabendo que só há duas formas de aprender as coisas: ou pelo amor ou pela dor. Durante muito tempo eu aprendi pela dor, talvez seja este um dos principais motivos pelos quais defendo justamente o contrário. O amor tudo pode, tudo ensina, tudo dá e nada pede em troca. Sou adepta do ensino pelo amor, da liderança pelo amor, da ajuda por amor, porque realmente acredito que se for para fazer pelo próximo, que seja pelo sentimento mais nobre que existe no universo. Afinal, a educação do coração é o processo de cultivar a sabedoria interior.

Ainda que muitas pessoas discordem e que o amor seja o processo mais lento de aprendizado, a dor tudo estraga, numa velocidade incontrolável, sem contar a infinidade de traumas que pode gerar às vidas de muitos indivíduos.

Você já sabe que no caminho do sucesso, cometer erros faz parte da jornada. Pergunte-se o fundamental: seu trabalho faz a energia circular em você? Para ir em busca dessas respostas, você pode fazer uso deste questionário que trago para você. São apenas dez perguntas, mas que podem decidir a sua carreira. Deixe que o seu coração responda por você:

1 – O que você faz no trabalho?

2 – O que você mais gosta de fazer?

3 – Por que você diz que ama o seu trabalho?

4 – O que motiva você todos os dias para trabalhar?

5 – O que você acha que faz bem?

6 – Quanto você ganha e quanto acha que pode ganhar no seu trabalho?

7 – O que você pode aprender?

8 – Para você: qual desses itens é mais importante? Coloque na ordem em que acredita:

Amar o que faz | fazer bem | ganhar dinheiro | aprender

9 – Para você, o que é mais importante: a causa da empresa em que trabalha, o seu crescimento lá dentro ou seus sonhos fora da empresa? Justifique.

10 – Você acredita que o seu trabalho realiza você? Por quê?

Busque algo mais do que trabalho. Queira encontrar um significado mais profundo no que você faz. Busque o ingrediente secreto chamado “entusiasmo”. O entusiasmo criado pelo coração guia seu sistema como um todo, fazendo com que tudo pareça possível, e ainda aumenta a autoestima no local de trabalho. Mas lembre-se que não se pode gerenciar entusiasmo, não se pode ensiná-lo. É uma questão de formação de hábito; é contagiante, e adquirimos com as pessoas que trabalham conosco.

Siga seu coração nesta jornada. Onde quer que ele o leve será a um lugar muito mais verdadeiro do que o que centenas de pessoas estão agora, acredite. Ria de você mesmo, mas não deixe de ir em busca daquilo que te traz felicidade, porque o seu maior concorrente e também o seu maior inimigo estão dentro de você. Mate-os sem pena e sem temor, e faça nascer o gênio que existe em você imediatamente. Não há mais o que esperar e não existe tampouco uma razão para isso. De uma vez por todas, saia do seu caminho. Seja você mesmo e deixe-se desfrutar deste estado. Ame, definitivamente, a pessoa que está em você.

Cultive o respeito, o cuidado e o amor. Eles compõem o tripé mais importante de nossas vidas. Porque se o trabalho dignifica o homem, o amor dignifica o trabalho e abençoa todas as nossas conquistas. Mãos são importantes para execução, cabeça é importante para nos ajudar a pensar, coração é importante para mudar nossas atitudes, mas sem alma você não vai a lugar algum. Coloque seu coração e sua alma em tudo o que fizer, depois é só colher os frutos, distribuir as novas sementes, e sorrir à vida. Lembre-se: ninguém, além de você mesmo, poderá compor a sua própria música. O que você mais gosta de fazer mesmo?

Por Alessandra Assad* / Fonte: Administradores.com

* Alessandra Assad é formada em jornalismo, com pós-graduação em Comunicação Audiovisual e MBA em Direção Estratégica. De 2003 a 2009, atuou como diretora de Redação da revista VendaMais, a maior revista de vendas do Brasil e desde 2006 é sócia idealizadora da ASSIM ASSAD – Desenvolvimento Humano. É autora dos livros Atreva-se a Mudar! – Como praticar a melhor gestão de pessoas e processos (Thomas Nelson), Leve o Coração para o Trabalho (Qualitymark) e A Arte da Guerra para Gestão de Equipes (apenas para comunidade Européia). Em 2014, teve seus três livros publicados na Europa pela Editora TopBooks Internacional.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários