Mandar profissional demitir colega está em relação feita por site. Ao todo, 22% já tiveram que fazer tarefas não ligadas ao trabalho.

Seu chefe já pediu para você demitir um funcionário e levá-lo para casa de carro, opinar sobre um perfil no aplicativo de paquera Tinder ou subir no telhado da empresa para ver se havia pássaros mortos no local? Essas foram algumas das ordens inusitadas reveladas por uma pesquisa do site americano de recursos humanos CareerBuilder.

Segundo o estudo, 22% dos funcionários consultados disseram que seu atual chefe já pediu tarefas não relacionadas ao trabalho.

Veja abaixo 10 pedidos inusitados reais feitos por chefes a funcionários:

1) “Treinar” colegas sobre como passar em um teste de drogas;

2) Demitir um colaborador e levá-lo para casa de carro;

3) Opinar sobre um perfil no aplicativo de paquera Tinder;

4) Comprar itens pessoais para o chefe na internet, para que sua mulher não soubesse;

5) Tirar os pelos da sobrancelha de um cliente antes de uma sessão de fotos;

6) Curtir seus vídeos no Facebook;

7) Pedir para que o subordinado fosse seu melhor amigo;

8) Descobrir como tirar uma certidão de óbito para seu ex-marido falecido;

9) Solidarizar-se com a morte de seu gato, junto com sua nora;

10) Subir no telhado da empresa para verificar se havia pássaros mortos no local.

A pesquisa on-line foi realizada nos Estados Unidos, de 10 fevereiro a 4 março, com 2.138 gerentes de contratação e profissionais de recursos humanos, e 3.022 trabalhadores do setor privado de empresas e indústrias.

Fonte: G1

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
1

Comentários

comentários