Todo cuidado é pouco ao começar “amizades” com contatos profissionais no Facebook. Segundo uma pesquisa da consultoria de recrutamento OfficeTeam, profissionais se sentem ainda menos confortáveis adicionando clientes e vendedores do que sendo amigo do chefe na rede social.

A  maioria dos mais de mil gerentes seniores entrevistados se diz desconfortável recebendo convites de amizade de contatos estritamente profissionais, como clientes e vendedores – cerca de 75% em ambos os casos, sendo que a maior parte diz que não fica “nem um pouco” confortável nessa situação.

“As pessoas sentem diferentes níveis de conforto nas redes sociais, então o melhor é não encher os contatos profissionais com pedidos de amizade”, diz o diretor executivo da OfficeTeam, Robert Hosking. “Além de ser seletivo com quem você adiciona, é importante compartilhar informações com prudência.”

Os números relativos a contatos profissionais de fora da empresa são maiores do que as respostas recebidas quando o assunto são os chefes ou subordinados – mas mesmo assim, os entrevistados preferem não misturar muito a rede social com a vida no escritório. Entre os entrevistados, 68% não ficariam à vontade se recebessem um pedido de amizade do chefe, e 62% pensam o mesmo dos funcionários que supervisionam. A melhor situação, segundo a pesquisa, é quando o contato é entre colegas de trabalho do mesmo nível – metade diz se sentir a vontade recebendo um pedido de amizade de um par.

Fonte: Valor.com

 

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários