Com perto de 11 milhões de desempregados no país, é bem provável que você conheça alguém nessa situação. Veja abaixo sete coisas para não dizer a quem está procurando emprego, segundo a consultoria CareerBuilder.

1) Alguma novidade?
Procurar emprego já é estressante o suficiente, e muitas vezes o desempregado já está com vergonha da própria situação. Ficar perguntando pode ser bem irritante.

2) Você ainda não encontrou um emprego?
Segue na linha da frase anterior – mas é ainda pior. Para algumas pessoas, pode levar meses, ou até anos, para conseguir uma recolocação, e perguntar isso pode ser entendido como falta de sensibilidade.

3) Deve ser bom ter tanto tempo livre!
Lembre-se que procurar emprego dá trabalho. E mesmo o tempo livre pode ser bem estressante, já que a pessoa está preocupara pela falta de emprego e de uma renda consistente.

4) Você tem certeza de que é qualificado para aquele emprego?
Quem procura emprego muitas vezes já está com a confiança abalada. Mesmo que o cargo não esteja exatamente em linha com as suas qualificações, não coloque a pessoa para baixo.

5) Você não tem nenhum QI (“quem indica”) que possa lhe arrumar um emprego?
Ter contatos facilita, mas nem todos os contatos ajudam. E mesmo os que ajudam não podem garantir vagas.

6) Você deveria procurar trabalho em outra área
Não pressione a pessoa a conseguir trabalho em uma área na qual ela não tem nenhum interesse, mesmo que seja aquela com melhor remuneração.

7) Tenho certeza que você vai conseguir alguma coisa eventualmente
O objetivo pode ser nobre, mas pode ser entendido como condescendente. Evite!

Fonte: G1

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
5

Comentários

comentários