Receber algum tipo de retorno sobre os processos seletivos dos quais participaram, mas não foram chamados, é o que mais incomoda os profissionais que concorrem a uma vaga de trabalho. A consultoria de RH Havik fez uma pesquisa com cerca de mil pessoas para saber o que elas mudariam na maneira como as empresas contratam e 40% mencionaram a falta de respostas após o fim da seleção.

“Isso é comum no mercado de recrutamento. Muitas vezes, o profissional que não vai avançar no processo simplesmente não é contatado para saber por que ele não foi adiante, se a vaga fechou”, conta Gabriela Coló, 33, sócia da consultoria.

utro fato que incomoda os candidatos é não saber qual a empresa para a qual estão sendo cogitados para trabalhar. Isso acontece em processos seletivos feitos por consultorias independentes. “Infelizmente, devido à política de sigilo, não é possível abrir [o nome da empresa]”, diz Coló. Cerca de 23% dos respondentes se disseram incomodados com isso.

Em seguida, empatados em terceiro lugar, estão as sugestões de diminuir o tempo entre as etapas do processo seletivo e abrir a possibilidade para esclarecer eventuais dúvidas, com 16% das respostas. Em último, com 5%, ficou a pontualidade das entrevistas, que costumam atrasar.

Fonte: Folha.com

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários