Militares e bombeiros estão num extremo; profissional de audiologia e cabeleireiros, no outro

As profissões que envolvem risco à vida – própria ou dos outros – estão entre as mais estressantes de 2014, segundo uma pesquisa da consultoria de empregos americana CarrerCast.

O levantamento também leva em conta, entre outros fatores, número de viagens exigido pelo trabalho, pressão para cumprir prazos, exposição ao público e competitividade na carreira.

O resultado aponta que militares alistados, generais e bombeiro são as três profissões mais estressantes de 2014; no outro extremo, profissionais de audiologia, cabeleireiros e joalheiros são as mais tranquilas.

Confira abaixo as dez profissões mais e as dez profissões menos estressantes, segundo a CarrerCast.

Mais estressantes

Profissão Salário médio anual (em US$)
Militar alistado 28.840
General 196.300
Bombeiro 45.250
Piloto de avião 114.200
Coordenador de evento 45.810
Executivo de relações públicas 54.170
Executivo de corporação 168.140
Repórter 35.870
Policial 55.270
Motorista de táxi 22.820
Motorista de táxi 22.820


Menos estressantes

Profissão Salário médio anual (em US$)
Profissional de audiologia 69.720
Cabeleireiro 22.700
Joalheiro 35.350
Professor universitário 64.290
Alfaiate 26.280
Dietista 55.240
Técnico em registro médico 34.160
Bibliotecário 55.370
Artista multimídia 61.370
Operador de prensa 35.580

Fonte: iG

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários