Confira quais as questões fundamentais que os empresários querem saber na hora de entrevistar um executivo para integrar sua diretoria

por Ariane Abdallah

“Há profissionais de entrevistas”, afirma Luiz Valente, diretor executivo da consultoria de RH Talenses. “Executivos que se preparam tão bem para concorrer a uma vaga que fica difícil identificar se ele é como se mostra ou se está dizendo o que acredita que o entrevistador quer ouvir.”

Assim como o headhunter, empresários sabem disso. Quantas vezes chamaram alguém para conversar, impressionados pelo currículo, mas, durante a conversa, não conseguem encontrar fatos que sustentem os autoelogios listados no papel. “No currículo, todo mundo é super-homem”, afirma o dono de uma grande empresa de varejo brasileira, que gosta de entrevistar pessoalmente executivos até o nível de gerência.

Entrevistadores de longa data, como ele, criaram formas peculiares de driblar respostas vagas, clichês e até distorções da realidade apresentadas pelos candidatos. “Não é raro, por exemplo, o profissional dizer que tocou um projeto quando, na verdade, fez parte da equipe que realizou a tarefa, liderado por outra pessoa”, afirma Valente.

NEGÓCIOS ouviu donos de grandes companhias e consultores acostumados a conduzir entrevistas para avaliar potenciais diretores. Eles contaram quais são as perguntas que mais costumam revelar verdades sobre seus interlocutores, ocultas no discurso preparado. “Depois de fazer todos os questionamentos técnicos”, diz um investidor da área de tecnologia, “eu gosto de fazer algumas perguntas surpreendentes. Por exemplo: ‘O que você faz no fim de semana?'”. Engana-se quem pensa que “a resposta correta” seria: “Trabalho!”. “Se o cara fala que fica lendo livros de economia, já sei que não serve para trabalhar na minha empresa. Gosto de contratar pessoas que têm outras paixões e hobbies.”

A seguir, outras perguntas que não faltam nas listas desses especialistas.

  1. O que você pode fazer por mim? Para me ajudar?
  1. Por que você vai arriscar seu atual emprego? Que vantagem vê em ir para um lugar novo?
  1. Qual o tipo de liderança com o qual se identifica? Por quê?
  1. Qual o tipo de liderança com o qual tem problema? Por quê? (“até para saber se combina com meu estilo de gestão”)
  1. Comece a falar mal de você mesmo, por favor (“no currículo, todo mundo é super-homem”)
  1. Quando você perdeu as estribeiras?
  1. Que erro já cometeu no trabalho que o fez voltar para casa pensando: “Fiz uma baita burrada hoje!”?
  1. Qual foi sua grande derrota na vida? Como lidou com ela?
  1. Quais são seus hobbies?
  1. O que você faz no fim de semana? Quais suas atividades de lazer?
  1. Como é sua família? É casado? (e se sim) Sua esposa trabalha?
  1. Como é sua agenda pessoal?
  1. Como lida com pressão?
  1. O que mais lhe marcou nos últimos cinco anos? (“Não explico se me refiro à vida profissional ou pessoal – porque quero justamente ver o que é importante para cada um. A maioria das pessoas fala da vida profissional”)
  1. Para que você quer dinheiro?
  1. Se você tivesse hoje R$ 1 milhão, estaria se candidatando a essa vaga?
  1. Se sua empresa quebrasse hoje, o que você faria?

Fonte: Época Negócios

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários