Chefes fracos são os principais causadores da insatisfação dos brasileiros com a qualidade de vida no trabalho.

Pelo menos é o que aponta um levantamento da Love Mondays, comunidade profissional que reúne avaliações anônimas de funcionários sobre seus empregadores, a partir de 3.139 opiniões compartilhadas no site.

De acordo com a pesquisa, líderes pouco inspiradores são a razão por trás do descontentamento de 13% dos profissionais. Veja abaixo a lista completa:

 

Motivo para insatisfação com a qualidade de vida Porcentagem de menções
Liderança fraca 13%
Desequilíbrio entre vida pessoal e profissional 11,5%
Falta de reconhecimento 10,3%
Pressão excessiva 9,8%

 

Mas por que chefes fracos comprometem tanto a qualidade de vida no trabalho – até mais do que a falta de equilíbrio entre vida pessoal e profissional?

Segundo Luciana Caletti, presidente da Love Mondays, o problema é que a inconsistência da liderança traz uma grande dose de insegurança para a rotina.

“Chefes que implementam mudanças constantes e não são claros quanto ao direcionamento estratégico geram sentimentos negativos”, explica ela. “O profissional tem medo quanto ao futuro da empresa e às vezes quanto à permanência do próprio emprego”.

 

O lado dos satisfeitos

O estudo também analisou quem está contente com a qualidade de vida na carreira. O principal fator para a satisfação, mencionado por 23,4% dos profissionais, é contar com um bom ambiente de trabalho.

Segundo Luciana, a característica mais associada pelos usuários do site a um espaço saudável para trabalhar é a abertura para a comunicação. “Um bom ambiente é aquele em que é possível dialogar facilmente com colegas diretos, chefes e até outros departamentos”, diz ela.

Outro ponto muito valorizado é a qualidade dos relacionamentos com a equipe. “Faz diferença se o ambiente é descontraído, informal, enfim, se ele favorece a construção de amizades”, comenta a presidente da Love Mondays.

Veja a seguir os fatores que mais promovem a qualidade de vida, segundo o estudo:

Motivo para satisfação com a qualidade de vida Porcentagem de menções
Bom ambiente de trabalho 23,4%
Possibilidade de aprendizado 22%
Oportunidades de progressão na carreira 19%
Reconhecimento pelo desempenho 12,9%

 

Fonte: Exame.com 

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários