Veja qual é a etiqueta do networking perfeito para eventos em 15 toques

Por Leandro Quintanilha (Você S/A)

Mente aberta: Entenda os eventos como uma chance de conhecer gente. Fale com desconhecidos. A conversa pode não render um negócio, mas talvez propicie uma ideia diferente.

Leve cartões de visita: Em reuniões, cartões devem ser entregues no início da conversa. Mas, em eventos, o ideal é deixar a troca para o fim. Primeiro é preciso despertar.

Comece por seu nome: Ao se apresentar, diga seu nome de forma clara e pausada, para facilitar a compreensão. Deixe o crachá do evento visível, para que os outros possam ler o que está escrito.

Tom amistoso: Após se apresentar, inicie a conversa de modo amistoso, falando sobre o evento ou do mercado. Quando sentir que o vínculo está se estabelecendo, aí, sim, trate com delicadeza de temas relacionados a seu interesse.

No alvo: Certifique-se de que o profissional em questão é realmente quem você precisa conhecer. Um cargo alto nem sempre significa que a pessoa é a mais indicada para ajudá-lo.

De leve: Pegar leve é mais interessante do que constranger uma pessoa com pedidos de ajuda muito explícitos. Prefira pedir conselhos. Se o interlocutor quiser tomar alguma iniciativa (como convidá-lo para uma entrevista), fará isso espontaneamente.

Como apresentar uma pessoa a um grupo: Diga o nome de todos que estão presentes lentamente, a fim de que o novato consiga memorizar. Se não lembrar o nome de alguém, pergunte na hora, admitindo não saber.

Para gravar um nome: Pergunte o nome. Caso não tenha entendido ou memorizado, pergunte outra vez sem ter vergonha. Repita em voz alta para memorizar. Olhe o crachá do interlocutor. Escreva algo no verso do cartão de visita que o ajude a lembrar da pessoa.

Conte rápido: Crie uma maneira de descrever em 30 segundos o que você e sua empresa fazem. Aperfeiçoe essa apresentação ao máximo. Ensaie antes do evento.

Não interrompa: Tente não interromper seu interlocutor, já que ele pode desejar fazer as próprias aproximações. Não apresente produtos nem catálogos — trata-se de um primeiro contato.

Como fazer uma pergunta na palestra:

• Aguarde o momento de perguntas da plateia.

• Levante o braço e manifeste a intenção.

• Ao receber a palavra, dê bom-dia e diga seu nome e o de sua empresa.

• Não precisa elogiar a organização do evento.

• Faça uma pergunta sucinta e pertinente.

• Não conte um caso pessoal nem faça piadas.

• Não precisa agradecer.

Ouça com atenção: Demonstre interesse pelo profissional com quem conversa com perguntas sobre o trabalho dele. Dê sinais de quanto sabe a respeito do assunto que estão debatendo.

Mantenha a noção: Seja sempre delicado e educado em todas as abordagens. Por mais que necessite falar com alguém, não force a barra. Nunca aperte um braço nem cutuque. Seja sucinto ao se apresentar e deixe a pessoa reagir. Se ela não quiser falar, peça um cartão e pergunte se pode ligar em outra hora.

Pegue um ponto específico: Se você já souber o que a outra pessoa faz, puxe assunto tocando num ponto específico, de domínio do profissional.

Depois do evento: Se tiver o cartão da pessoa, envie um e-mail lembrando que vocês se conheceram no evento e, se quiser, proponha um encontro. Adicione a pessoa no LinkedIn. Ao aceitar o convite de alguém, proceda da mesma forma.

Fonte: Exame.com | Você S/A

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários