Trabalhos voluntários e grupos acadêmicos são exemplos de atividades extracurriculares que podem melhorar o seu currículo. Entenda por que e saiba mais

Na hora de avaliar currículos, um recrutador levará em conta sua experiência profissional e formação acadêmica para, depois, chamá-lo para uma entrevista e avaliar as suas características pessoais. Mas você não precisa esperar pelo encontro presencial para enaltecer suas qualidades: basta colocar atividades extracurriculares no seu currículo.

As atividades extracurriculares fazem com que o recrutador o conheça melhor porque não são obrigatórias e dizem bastante sobre a sua personalidade, afinal quem as faz não ganha nada em troca e, baseado nisso, provavelmente gosta das tarefas que desempenha.

Caso você desempenhe várias atividades, não encha o seu currículo: selecione aquelas que mais se relacionam com a vaga que você quer conquistar. Se você é líder de um grupo que ajuda crianças carentes e está tentando uma vaga de chefia, por exemplo, escreva essa atividade! Ela demonstra a sua liderança e pró-atividade.

Trabalhos voluntários que envolvem benfeitorias sociais, grupos acadêmicos e startups são também são extremamente bem vistos pelo mercado, então não perca a oportunidade de colocá-los na sua ficha pessoal.

Portanto, na hora de montar o seu currículo, pense nos seus hobbies e atividades extracurriculares. Sem que você perceba, elas podem fazer com que você se destaque dos demais candidatos.

Fonte: Universia Brasil

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários